Notícias

Valorcar quer valorizar resíduos de fragmentação

A AVE – Gestão Ambiental e Valorização Energética estabeleceu um protocolo de colaboração com a Valorcar no sentido de desenvolver tecnologias de triagem pós-fragmentação, com vista a selecionar apenas alguns componentes dos resíduos de fragmentação para coprocessamento, enquanto os restantes poderão ser valorizados na reciclagem. Deste modo a Valorcar poderá atingir os seus objecivos no que respeita ao cumprimento das metas, que estipulam um aumento da reutilização e valorização para um mínimo de 95% até 2015.

Neste âmbito, a AVE - Gestão Ambiental e Valorização Energética deverá prestar apoio como consumidor final dos resíduos resultantes dos processos de pós-fragmentação que não têm como destino a reciclagem. Assim, espera-se criar e desenvolver uma nova fileira de combustível alternativo, com aproveitamento do potencial e energético e material.

 Veja aqui o testemunho do director-geral da Valorcar, Ricardo Furtado.